Calendário de eventos Madrid 2020-2021

  • Alexei Von Jawlensky. El paisaje del rostro
    alexei-von-jawlensky-el-paisaje-del-rostro-2.jpg
NÃO PERCA
  • EXPOSIÇÕES
  • TEATRO E DANÇA
  • MÚSICA
  • FLAMENCO
  • MUSICAIS
  • DESPORTO
  • FEIRAS E CONGRESSOS
  • OUTROS EVENTOS

A maior parte dos museus e salas de exposições reabriram ao público, limitando a sua lotação e reforçando as medidas de higiene e de distanciamento social.

  • Tomoko Yoneda. Chrysanthemums (Crisantemos), 2011 © Tomoko Yoneda. Cortesía de la artista
    tomoko_yoneda_mapfre_madrid_sala_recoletos.jpg

Uma mostra composta por 50 obras, que nos dá a conhecer o universo artístico de um dos criadores mais influentes dos últimos anos (Círculo de Belas-Artes. 3 de dezembro a 9 de maio).

Uma escultura de 12 metros realizada pelo artista catalão, situada no pedestal anteriormente ocupado pela estátua do navegante genovês Cristovão Colombo (Plaza de Colón. Até dezembro de 2021).

O museu reabre as suas portas com uma experiência única e inédita, que reúne as suas obras mais emblemáticas num amplo espaço arquitetónico (Museu do Prado - Sala da Galeria Central. Até 25 de julho).

O Museu do Prado oferece ao público a oportunidade de contemplar as cinco pinturas de El Greco que se conservam no Santuário de Nuestra Señora de la Caridad de Illescas (Museu do Prado. Até 30 de maio).

Uma exposição que explora o vínculo da artista norueguesa com Espanha (Palácio de Velázquez. Até 17 de maio). Encerrado até novo aviso

Uma homenagem de Patrimonio Nacional ao pintor e arquiteto italiano Rafael Sanzio, no V centenário da sua morte, que se assinala em 2020 (Galeria do Palácio Real. Até 4 de julho).

Primera exposição individual na Europa desta fotógrafa japonesa, que nos oferece um percurso ao longo da sua obra até aos nossos dias (Fundación Mapfre. Sala Recoletos. 9 de fevereiro a 9 de maio).

Uma exposição dedicada à obra do famoso pintor russo (Fundación Mapfre. Sala Recoletos. 11 de fevereiro a 9 de maio).

Primeira exposição em Espanha deste artista, que nos oferece um percurso pelo seu universo criativo, através de sete instalações audiovisuais (Espacio Fundación Telefónica. Até 25 de julho).

Uma exposição de obras de pequeno formato do pintor segoviano, inspiradas no autor holandês (Museu Nacional Thyssen-Bornemisza. 15 de fevereiro a 9 de maio).

Uma mostra que reivindica o esplendor alcançado pela ciência e pela engenharia na Corte dos Áustrias (Real Academia de Bellas Artes de San Fernando. 16 de fevereiro a 16 de maio).

Uma exposição que reúne, pela primeira vez desde o século XVI, estas seis obras mitológicas de Ticiano (Museu do Prado. 2 de março a 4 de julho).

O museu decidiu prolongar as datas desta mostra, dedicada à figura do seu fundador, em que se expõem os retratos pintados pelo artista britânico Lucian Freud  (Museu Nacional Thyssen-Bornemisza. Até 31 de dezembro).

Uma exposição retrospetiva dedicada ao arquiteto francês, que inclui algumas das suas obras mais conhecidas (CaixaForum Madrid. 4 de março a 13 de junho).

Criações editoriais, cartazes e catálogos produzidos entre 1930 e 2015, pertencentes a um dos artistas abstractos e geométricos mais significativos da segunda metade do século XX (Museu Reina Sofía – Edifício Nouvel, Biblioteca e Centro de Documentação, Espaço D. 12 de março a 11 de junho).

Uma exposição que rende homenagem a esta benfeitora do museu, que tornou possível a aquisição de numerosas obras de pintura de diferentes épocas (Museu do Prado. 23 de março a 24 de outubro).

Um percurso pela arte marroquina, articulado em torno a três momentos históricos, que arroja luz sobre o contexto cultural e o seu futuro cultural, histórico e social (Museu Rainha Sofia. 31 de março a 27 de setembro).

Uma oportunidade única para desfrutar do desenho Coche barato y tapado do famoso pintor aragonês (Museu Cerralbo. Até 18 de abril).

A primeira mostra monográfica em Espanha da obra desta artista sueca inclui uma série dos seus têxteis (Museu Rainha Sofia. 7 de abril a 16 de agosto).

Uma seleção de vinte obras, que inclui peças de ourivesaria alemã e holandesa dos séculos XVI e XVII e esculturas do Renascimento italiano e alemão (Museu Nacional Thyssen-Bornemisza. 12 de abril a 23 de janeiro de 2022).

Primeira retrospetiva em Espanha dedicada a uma das maiores representantes da arte norte-americana do século XX (Museu Nacional Thyssen-Bornemisza. 20 de abril a 8 de agosto).

Uma exposição que questiona o lugar da arte como espaço público por excelência (Palácio de Cristal. 22 de abril a 29 de agosto).

Uma exposição que explora as maneiras como o ser humano se representa a si mesmo (CaixaForum Madrid. 28 de abril a 16 de janeiro de 2022).

Uma exposição desta artista suíça, que reúne uma série de esculturas em madeira da Jamaica talhadas com a ajuda de uma motosserra (Museu Nacional Thyssen-Bornemisza. 11 de maio a 22 de agosto).

A exposição de interiorismo mais exclusiva da Europa celebra a sua 56ª edição em segurança e de maneira responsável, visitando a Casa de Tomás Allende (Plaza de Canalejas 3. 13 de maio a 27 de junho).

A aguardada reposição de uma das obras mais emblemáticas deste museu (Museu Nacional Thyssen-Bornemisza. 17 de maio a 1 de novembro).

Uma exposição que aborda desde diferentes pontos de vista a relação entre a obra pictórica do artista catalão e a poesia (Fundación Mapfre. Sala Recoletos. 1 de junho a 29 de agosto).

Uma exposição que segue o percurso deste fotógrafo surrealista, um dos fundadores da fotografia moderna (Fundación Mapfre. Sala Recoletos. 1 de junho a 29 de agosto).

A mais extensa e exaustiva retrospetiva até à data dedicada a esta artista norte-americana (Museu Rainha Sofia - Edificio Sabatini, Planta 1. 2 de junho a 27 de setembro).

O Festival Internacional de Fotografia e Artes Visuais celebra uma nova edição (Diferentes locais. 2 de junho a 30 de setembro).

Uma mostra que tem como tema A Divina Comédia, a grande obra do poeta italiano, organizada para assinalar o sétimo centenário da sua morte (Biblioteca Nacional. 30 de junho a 3 de outubro).

Uma exposição interativa que explora a relação do ser humano com os videojogos (CaixaForum Madrid. 20 de julho a 31 de outubro).

Uma retrospetiva do pintor surrealista René Magritte que reúne cerca de 70 obras, incluindo pinturas, fotografias e filmes (Museu Nacional Thyssen-Bornemisza. 14 de setembro de 2021 a 30 de janeiro de 2022).

Uma exposição que explora o rico património artístico proveniente da América (Museu do Prado. 5 de outubro a 13 de fevereiro de 2022).

Uma obra de investigação do artista multimédia libanês Walid Raad, que dará lugar a uma nova obra e a uma encomenda artística inspirada no céu e no 11-S (Museu Nacional Thyssen-Bornemisza. 13 de outubro a 16 de janeiro de 2022).

Uma seleção de doze pinturas dos séculos XIII a XVIII, de artistas como Taddeo Gaddi, Fra Angelico, Giambattista Piazzetta e Giacomo Ceruti (Museu Nacional Thyssen-Bornemisza. 25 de outubro de 2021 a 9 de janeiro de 2022).

Faça clique no seguinte ícone para baixar uma versão PDF de todo o calendário de eventos:

  • Campaña Madrid en manos de todos. Frenar el contagio y mantener la situación bajo control depende, en gran medida, de nuestra responsabilidad individual. Proteger a nuestros mayores, vecinos y amigos está en manos de todos.
  • O que você pode descobrir no grande museu do mundo (Guia disponível em Português do Brasil).

    Guia Arte em Madri (PDF)
  • PT-Guía Arte en Madrid
  • Solamente en Madrid
Publicidade
Publicidade

PRODUTOS OFICIAIS

Desfruta de uma das melhores vistas da cidade, a 92 metros de altura.

Serviço suspenso até novo aviso

As suas recordações de Madrid