A noite centenária de Gran Vía e Sol

  • NocheSolGranVia_1402312970.925.jpg

Com um século de história, a Gran Vía de Madrid foi o núcleo da diversão noturna de muitas gerações. Junto à zona de Sol, é um desses lugares da capital onde a simples contemplação do movimento da gente que a percorre é o melhor ponto de partida para nos contagiarmos com o seu ambiente.

O espetáculo visual de luzes e sombras que projetam os anúncios dos teatros e dos cinemas sobre os edifícios monumentais da Gran Vía madrilena é talvez o principal sinal de identidade desta conhecida zona de ócio.

O Cine Callao estende com frequência o seu tapete vermelho para as ante-estréias de filmes, e para o lançamento de discos, que atraem um bom número de artistas e o grande público. Os teatros Rialto Movistar, Príncipe, Lope de Vega, Teatro de la Luz Philips ou Caser Calderón são palco dos muitos musicais que cada temporada chegam a Madrid, pelo que a sucessão de restaurantes, tabernas e bares de tapas de todos os estilos e para todos os preços é constante desde a zona de Santo Domingo até à praça de Benavente e seus arredores.

Os terraços de modernos hotéis como o Ada Palace ou o Urban convidam o visitante a fugir por um momento ao ritmo da grande cidade, para desfrutar de um pôr-do-sol desde um lugar privilegiado. O espetacular terraço do Círculo de Bellas Artes, aberto até às 21:00 horas, é sem dúvida outro dos lugares a ter em conta.

A etiqueta de artéria comercial e lúdica por excelência de Madrid converte o eixo Gran Vía-Sol numa zona muito procurada para celebrar despedidas de solteiro. Estes grupos, vindos de outras cidades espanholas e do estrangeiro, dão rédea solta à diversão em locais como o Gula Gula, restaurante-cabaret com show de drag queen, que fará rir até o mais sério dos assistentes.

Á medida que a noite avança, chega agora a vez das discotecas e salas de festas. Aberta desde 1979, a sala El Sol foi testemunha do fervor da Movida e mantém hoje a etiqueta de sala de concertos e espaço cultural, onde também têm lugar as apresentações de livros, discos ou mesmo a gravação de vídeos musicais. Outras referências mais modernas são o Independance Club, com noites e festas temáticas variadas, o Costello, com preferência pelo rock, indie ou funk e um dos palcos preferidos das bandas locais.

As badaladas de Ano Novo em Puerta del Sol

Se decidir festejar a passagem de ano em Madrid, tem duas oportunidades para desfrutar de uma das tradições espanholas mais populares: comer as doze uvas na Puerta del Sol. A noite de 31 de Dezembro, e a do dia 30, em que se realiza o ensaio das campanadas (baladadas), que cada vez reúne mais público.  

Madrid Imprescindível

Os dez lugares que não pode perder na sua primeira visita!

Consulte e descarregue a informação turística imprescindível para se mover por Madrid.

Publicidade

PRODUTOS OFICIAIS

Desfruta de uma das melhores vistas da cidade, a 92 metros de altura.

Sobe a bordo e descobre a cidade em formato panorâmico.

Descarrega a aplicação das obras primas do Prado, Thyssen e Reina Sofía.

Publicidade