Pontos WiFi

  • Puntos wifi
    Puntos wifi.jpg
  • Puntos wifi
    Puntos wifi.jpg
  • Puntos wifi
    Puntos wifi.jpg

Para os usuários que queiram aceder livremente ao serviço de Internet através de WiFi, de maneira totalmente gratuita, Madrid oferece várias alternativas, públicas e privadas, para poder navegar abertamente pela Rede.

Centros e pontos de Informação Turística e Gabinetes de Atenção ao Cidadão

O Centro de Turismo Plaza Mayor e todos os pontos de informação turística do Ayuntamiento de Madrid, bem como os gabinetes de Atenção ao Cidadão do Ayuntamiento de Madrid (Usera, Salamanca, Carabanchel, Chamartín, Tetúan, Moratalaz, etc.) oferecem conexão WiFi gratuita. Também é possível conectar-se gratuitamente à Internet nos Gabinetes de Atenção ao Contribuinte das zonas Centro, Arganzuela, Chamberí e Hortaleza.

Ao ar livre

Conectar-se à Internet ao ar livre, e fazê-lo em pleno centro de Madrid é possível, por exemplo, na Plaza de Santo Domingo, um lugar público pioneiro em dispor de serviço de WiFi (desde 2007), ao qual se foram unindo outros lugares estratégicos, como a Plaza Mayor, em pleno centro histórico, Callao e a Plaza de Olavide, no distrito de Chamberí.

Parques e jardins

Os Jardins de Cecilio Rodríguez, no parque de El Retiro, e Madrid Río também formam parte deste circuito de conexões WiFi gratuitas, embora com um limite de tempo.

Bibliotecas

Outro lugar que oferece conexão WiFi gratuita é a Biblioteca Nacional, no Paseo de Recoletos. Rodeada pelos Jardins dos Descobrimentos e perto da praça de Colón, a biblioteca oferece aos seus utilizadores a sua rede sem fios aberta, possibilitando assim a obtenção de informação adicional e usufruir de todos os serviços de Internet. Além disso, as bibliotecas públicas da Comunidade de Madrid, e a Biblioteca Regional Joaquín Leguina, a de Gloria Fuertes em Barajas, a de Pablo Neruda em Ciudad Lineal, a de Ana María Matute em Carabanchel e a de Pío Baroja em Arganzuela, entre muitas outras, colocam ao dispor dos seus utilizadores um serviço de Internet WiFi.

Universidades

As universidades madrilenas e centros associados dispõem de cobertura da Rede Eduroam, á qual se pode aceder através da contrassenha utilizada na universidade a que se pertence.

Centros culturais

Hoje em dia, quase todos os centros culturais públicos da cidade dispõem de acesso WiFi gratuito. O Centro Cultural Conde Duque, CentroCentro, a Casa del Reloj e a Casa de Vacas são alguns dos lugares que nos permitem estarmos conectados.

Museus

Praticamente todos os museus, desde as grandes pinacotecas do Paseo del Arte ao Museu de História e ao museu das Origens de San Isidro oferecem uma conexão WiFi gratuita.

WiFi no autocarro

Também é possível consultar o correio eletrónico ou aceder à Internet enquanto nos deslocamos por Madrid de autocarro, ou nas próprias paragens. A Empresa Municipal de Transportes (EMT) facilita o acesso à Internet sem cabos e de forma gratuita, nos cerca de 2000 veículos da sua frota, e em todas as paragens cobertas.

Centros comerciais

Os centros comerciais da cidade, como La Vaguada, Plaza Norte, Las Rozas Village, Príncipe Pío e Moda Shopping, entre outros, oferecem habitualmente um ponto de acesso para quem quiser conectar-se.

Restaurantes e cafetarias

Quase todos os restaurantes e cafetarias proporcionam aos seus clientes a possibilidade de se conectarem à Internet, com a contrassenha do local.

No aeroporto

No Aeroporto Adolfo Suárez Madrid-Barajas, os usuários podem conectar-se à Internet através da rede WiFi utilizando o seu computador portátil, o telemóvel ou um dispositivo com tecnologia WiFi nos Terminais T4 e T4S (cobertura em todo o terminal) e nas zonas de embarque e de restauração dos Terminais T1, T2 e T3. A conexão gratuita tem um limite de tempo, e permite a navegação básica, com velocidade de descarga limitada.

Madrid-Barajas oferece também computadores à disposição do público, com conexão gratuita à Internet, situados nos Terminais T1, T2 e T3.

Na Rede de Cercanías (Renfe)

Os usuários podem desfrutar de conexão gratuita e de serviços de informação e entretenimento de "PlayRenfe" – com um limite máximo de tempo de conexão de 30 minutos – nas estações de Getafe Centro, Nuevos Ministerios, Sol, Méndez Álvaro, Príncipe Pío e Atocha Cercanías.

Nos autocarros interurbanos

A quase totalidade dos autocarros interurbanos da Comunidade de Madrid oferece uma conexão WiFi gratuita aos seus usuários, que podem também desfrutar do acesso gratuito à Internet e às redes sociais através da conexão WiFi nos intercambiadores de Moncloa, Plaza Castilla, Plaza Elíptica, Príncipe Pío e Avenida de América, e nas duas linhas do Metro Ligero Oeste. Perto de 60 paragens dos autocarros interurbanos permitem igualmente aos usuários conectarem-se à Internet enquanto esperam pelo seu transporte.

Madrid Imprescindível

Os dez lugares que não pode perder na sua primeira visita!

Consulte e descarregue a informação turística imprescindível para se mover por Madrid.

Publicidade
  • Consulte a seleção que esMADRID.com realizou dos eventos mais relevantes que terão lugar na nossa cidade em 2018.

    Calendário de eventos 2018
  • Tamara de Lempicka
Publicidade
QUANTO TEMPO TENS?
  • Embora um dia em Madrid nunca seja suficiente, eis aqui algumas sugestões para o aproveitar ao máximo.

    Madrid em 24 horas
  • Arte, compras, gastronomia e vida noturna é a combinação imprescindível para quem dispõe de dois dias para desfrutar de Madrid.

    Madrid em 48 horas
Publicidade

PRODUTOS OFICIAIS

Desfruta de uma das melhores vistas da cidade, a 92 metros de altura.

Sobe a bordo e descobre a cidade em formato panorâmico.

Descarrega a aplicação das obras primas do Prado, Thyssen e Reina Sofía.