Compras: Lavapiés-Rastro-Embajadores

  • Compras: Lavapiés-Rastro-Embajadores
    compras_lavapies-rastro-embajadores.jpg
  • Compras: Lavapiés-Rastro-Embajadores
    compras_lavapies-rastro-embajadores.jpg
  • Compras: Lavapiés-Rastro-Embajadores
    compras_lavapies-rastro-embajadores.jpg
  • lavapies_pepitaisdead_1423758219.547.jpg
  • Compras: Lavapiés-Rastro-Embajadores
    compras_lavapies-rastro-embajadores.jpg
  • Compras: Lavapiés-Rastro-Embajadores
    compras_lavapies-rastro-embajadores.jpg
  • Compras: Lavapiés-Rastro-Embajadores
    compras_lavapies-rastro-embajadores.jpg

Lavapiés 

Como reflexo do seu carácter multicultural, Lavapiés oferece ao visitante uma atividade comercial o mais variada possível, principalmente através das suas pequenas lojas tradicionais.

Artesanato africano, acessórios para praticantes de dança do ventre, narguilés, sacos e candeeiros do Magreb, lojas de artigos eletrónicos e de reparação de telemóveis… Lavapiés é como um grande bazar onde é possível adquirir objetos de várias partes do mundo, em apenas alguns passos.

Na parte alta do bairro, mas ruas mais próximas dos postos de flores que enchem de cor a praça de Tirso de Molina, concentram-se os negócios de venda maioristas (alguns também vendem a retalho), principalmente dos ramos têxtil e de complementos.

Em volta da praça de Lavapiés é possível encontrar pequenos estabelecimentos comerciais tradicionais dedicados à alimentação, que oferecem uma grande variedade de produtos importados, como especiarias da Índia e do Paquistão, pão de pita e doces árabes (nas ruas Sombrerete e Tribulete) e massas, sake e bambu em conserva da Ásia. Também existem vários talhos de carne Halal, para os que praticam a religião muçulmana.

Também merecem destaque os livreiros independentes, como Enclave de Libros, La Malatesta, Bajo el Volcán e livrarias-café como La Libre, La Fugitiva e El dinosaurio todavía estaba allí compõem uma oferta de leitura alternativa interessante.

Mais livros, junto com flores, produtos frescos e uma grande variedade de comida multicultural (japonesa, italiana, mexicana, colombiana, taiwanesa, espanhola…) aguardam o visitante no Mercado de Antón Martín, que nos últimos anos se somou à nova tendência de mercados gourmet.

Embajadores e Rastro

Alguma vez comprou livros ao peso? No Mercado de San Fernando (Embajadores, 41) é possível encontrar esta original proposta em alguns dos seus postos, além de locais onde adquirir fruta ecológica, queijos e conservas selecionados, presentes, complementos, flores e artesanato.

Nesta área comercial situa-se também o Mercado de la Cebada, um dos mercados de abastecimento mais grandes de Madrid.​ A oferta inclui talhos, charcutarias, frutarias, peixarias e outros estabelecimentos especializados, como perfumarias, óticas, floristas e lojas de tapetes, entre outros.

O grande protagonista desta área, e um dos principais reclames turísticos da cidade, é El Rastro, o mercado de rua de Madrid por excelência, que se realiza todos os domingos e feriados, e que tem a sua origen na época medieval, devendo o seu nome à sua localização inicial, ao longo da Ribera de Curtidores.

Esta empinada rua era ocupada principalmente por curtidores de peles, pelo que o arrastar das peles procedentes do matadouro próximo deixava um rastro que acabou por dar o nome à zona, e ao seu mercado ao ar livre.

El Rastro estende-se da Plaza de Cascorro até à mencionada Ribera de Curtidores, ao longo de pequenas praças e de ruas estreitas, numa área triangular, delimitada pelas ruas de Toledo e Embajadores, e pela Ronda de Toledo. Nas ruas de San Cayetano, Fray Ceferino González, Carlos Arniches, Mira el Río e nas praças General Vara del Rey e Campillo del Mundo Nuevo o visitante poderá adquirir roupa nova e em segunda mão, bijutaria, objetos penhorados, antiguidades, discos antigos…

Nestas ruas encontram-se também as conhecidas lojas de antiguidades Manuel Riestra e Galería Piquer, e alguns estabelecimentos especializados em objetos de decoração retro e vintage, como Reno, La Brocanterie, Living Retro, La Recova Vintage, The Point e Antigüedades Palacio.

Nos restantes dias da semana, a prolongada e inclinada rua de Ribera de Curtidores agrupa numerosas lojas especializadas, com destaque para as lojas dedicadas aos desportos de montanha, que vendem roupa técnica nova e de segunda mão, como é o caso de Makalu, Barrabes, OS20 e El Rincón de la Montaña, móveis feitos à mão, e artigos de fotografia Fotocasión é um dos estabelecimentos de referência da cidade –, antiguidades, antiquários e restauradores –de ambos os lados da rua existem dois pátios com uma esmerada arquitetura, em cujo interior se concentra um bom número de negócios deste tipo –, livrarias, lojas de tecidos, de ferragens e drogarias, e lojas de animais.

 

TAMBÉM PODEM INTERESSAR-TE

Desfrutar das compras ao ar livre, nas imediações do “Quilómetro 0” da Puerta del Sol, é um prazer possível todos os dias do ano.

Entorno senhorial, com estabelecimentos exclusivos, em que adquirem especial protagonismo a alta costura e a moda masculina.

Moda independente para todas as ocasiões, os complementos da moda e espaços delicatessen para os paladares mais exigentes.

Entre negócios e arranha-céus, a área de Azca e Castellana alberga muitas lojas e centros comerciais, para satisfazer as exigências dos amantes da moda.

Publicidade
  • Consulte a seleção que esMADRID.com realizou dos eventos mais relevantes que terão lugar na nossa cidade em 2018.

    Calendário de eventos 2018
  • Joaquín Sorolla y Bastida, Clotilde paseando en los jardines de La Granja. 1907. Museo de Bellas Artes, La Habana, Cuba
Publicidade

PRODUTOS OFICIAIS

Desfruta de uma das melhores vistas da cidade, a 92 metros de altura.

Sobe a bordo e descobre a cidade em formato panorâmico.

Descarrega a aplicação das obras primas do Prado, Thyssen e Reina Sofía.

Publicidade